André Penner/AP
André Penner/AP

Manifestantes e PM travam conflito fora da Fonte Nova

Confronto ocorreu cerca de um quilômetro do estádio

VITOR VILLAR, Agência Estado

22 de junho de 2013 | 17h00

SALVADOR - Se do lado de dentro da Arena Fonte Nova, palco do jogo deste sábado entre Brasil e Itália, em Salvador, o clima era de festa e tranquilidade, do lado de fora houve confronto de manifestantes com a Polícia Militar na entrada do Dique do Tororó, a cerca de um quilômetro da Fonte Nova. Em um número mais reduzido em relação à última passeata, realizada na sexta-feira, os manifestantes chegaram ao bloqueio policial e foi lá que tudo começou.

Alguns tentaram dialogar com a polícia, outros tentavam passar pelo cerco, mas, no momento que um manifestante arremessou um rojão em direção aos policiais, veio o troco. Muitas bombas de gás lacrimogêneo foram atiradas na direção dos participantes do protesto, houve grande pânico e correria.

Aos poucos, a polícia foi fazendo os manifestantes recuarem e a situação ficou tensa nos arredores da Fonte Nova, onde o Brasil está enfrentando a Itália para definir a primeira colocação do Grupo A na Copa das Confederações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.