Mano tenta, mas não consegue esquecer o Vasco

Dificilmente Mano Menezes fala de um jogo que não seja o próximo do Corinthians. Mas ontem quebrou o protocolo e mais comentou do duelo de quarta-feira, pela Copa do Brasil, do que do Barueri. O Vasco não sai de sua cabeça."Vamos dar folga aos jogadores domingo (amanhã) pois fará bem almoçar com a família. Ganharemos mais do que com recuperação", afirmou, já se programando para encarar os cariocas no Maracanã. "O Vasco não se sentirá no ambiente familiar que costuma ser em São Januário, no Maracanã. Como seria diferente para a gente jogar em outro lugar que não fosse o Pacaembu. Nem por isso temos de considerar uma vantagem, pois eles já fizeram belos jogos lá." Faz questão, ainda, de lembrar dos 4 a 0 no Vitória pelas semifinais. "Em Salvador, nem teve decisão."

, O Estadao de S.Paulo

23 de maio de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.