Jan Woitas/EFE
Jan Woitas/EFE

Marc Márquez confirma favoritismo e vence etapa alemã da MotoGP

Dani Pedrosa e Valentino Rossi completaram pódio neste domingo

Estadão Conteúdo

12 de julho de 2015 | 11h20

O espanhol Marc Márquez deixou definitivamente a má fase para trás. Neste domingo, o atual bicampeão mundial confirmou o domínio que vinha tendo de todo o fim de semana da etapa da Alemanha da MotoGP, a nona das 18 previstas para o campeonato de 2015, e venceu com facilidade a prova realizada no circuito de Sachsenring, em Hohenstein-Ernstthal.

Pole position, Márquez viu ele e o também espanhol Dani Pedrosa, seu companheiro de equipe na Honda, serem ultrapassados logo após a largada, ainda na curva 1, pelo compatriota Jorge Lorenzo, da Yamaha. Mas foi apenas um susto, pois logo Márquez retomou a liderança da etapa alemã e não foi mais ameaçado pelos seus concorrentes.

O italiano Valentino Rossi largou da sexta colocação e chegou a saltar para o segundo posto, ultrapassando Pedrosa e Lorenzo, seu companheiro de equipe na Yamaha. Depois, porém, após disputa intensa com Pedrosa, acabou caindo para o terceiro lugar, com o espanhol assegurando a segunda posição. Já Lorenzo foi o quarto colocado.

A vitória deste domingo, assegurada com uma vantagem de 2s226 para Pedrosa, foi a sexta de Márquez no circuito de Sachsenring, onde o espanhol venceu todas as provas que disputou, seja em categorias de acesso ou na própria MotoGP, categoria em que ele agora acumula três triunfos na pista alemã.

Essa foi a segunda vitória de Márquez na temporada 2015 da MotoGP. Além disso, o triunfo diminuiu um pouco o domínio da Yamaha no campeonato - a equipe soma sete vitórias em nove provas, enquanto a Honda agora acumula dois, ambos com Márquez.

O italiano Andrea Iannone, da Ducati, foi o quinto colocado, seguido pelos britânicos Bradley Smith, da Yamaha Tech3, e Cal Crutchlow, da LCR Honda. E a lista dos dez primeiros colocados da etapa alemã da MotoGP foi completada, em ordem, pelo espanhol Pol Espargaró, da Yamaha Tech3, pelo italiano Danilo Petrucci, da Pramac Ducati, e pelo também espanhol Aleix Espargaró, da Suzuki.

Com esse resultado, Rossi permanece na liderança da MotoGP, com 179 pontos, 13 a mais do que Lorenzo. Iannone é o terceiro colocado, com 118 pontos, quatro a mais do que Márquez. A próxima etapa da MotoGP será realizada no dia 9 de agosto, em Indianápolis, nos Estados Unidos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.