Marc Márquez lidera dia de treinos da MotoGP em Brno

Líder do campeonato, Espanhol lidera treino livre da etapa da República Checa. Definição do grid ocorre neste sábado

Estadão Conteúdo

15 de agosto de 2014 | 11h28

Soberano neste Mundial de MotoGP, no qual acumula incríveis dez vitórias em dez corridas, o espanhol Marc Márquez deu nova prova do seu amplo domínio ao liderar nesta sexta-feira, em Brno, os treinos livres da etapa da República Checa da categoria. O piloto da Honda cravou o tempo de 1min56s803, já na primeira sessão do dia, para se garantir na ponta.

O atual campeão mundial assim voltou a deixar para trás o seu compatriota Jorge Lorenzo, da Yamaha, que foi o segundo mais rápido do dia com a marca de 1min56s840. E a terceira posição ficou com outro piloto espanhol, Dani Pedrosa, companheiro de Márquez na Honda, que percorreu a sua melhor volta em 1min56s855.

Já o italiano Valentino Rossi, da Yamaha, foi o quinto colocado com o tempo de 1min57s065 e ficou logo atrás do espanhol Aleix Espargaró, que cronometrou 1min57s002 pela Forward, outra equipe que corre com motores fornecidos pela Yamaha.

O alemão Stefan Bradl, o italiano Andrea Dovizioso, o colombiano Yonny Hernandez, o espanhol Pol Espargaró e o britânico Bradley Smith fecharam, nesta ordem, o grupo dos dez primeiros colocados dos treinos livres desta sexta-feira.

A segunda parte dos trabalhos de pista em Brno foi atrapalhado pela chuva, fato que fez despencar os tempos obtidos pelos pilotos. Pouco antes de começar a chover, o italiano Andrea Iannone, da Pramac Racing, garantiu o melhor tempo desta sessão ao cravar 2min03s179.

O treino de classificação para o grid de largada da etapa da República Checa será realizado a partir das 9h10 (de Brasília) deste sábado, enquanto a corrida está marcada para começar às 9 horas de domingo. Márquez lidera o Mundial de forma disparada, com 250 pontos, enquanto Pedrosa é o atual vice-líder, com 161, seguido de perto por Rossi, com 157.

Tudo o que sabemos sobre:
MotoGPMarc MárquezVelocidade

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.