Marc Márquez supera quebra e crava pole com moto reserva e recorde nos EUA

Marc Márquez deu neste sábado uma nova demonstração de quão fenômeno é na motovelocidade. O jovem piloto espanhol cravou a pole da etapa dos Estados Unidos do Mundial de MotoGP, neste sábado, no circuito de Austin, mesmo depois de sofrer uma quebra e ter de substituir sua moto por outra reserva no treino de classificação.

Estadão Conteúdo

11 de abril de 2015 | 18h21

Mais do que isso, o piloto da Honda obteve a primeira posição do grid no finalzinho da sessão qualificatória com o novo recorde da pista local ao cravar 2min02s135. Antes disso, a sua moto o deixou na mão na reta dos boxes do circuito norte-americano e ele precisou correr e pular o muro para pegar a reserva, com a qual voltou a exibir sua força.

Márquez irá largar logo à frente do italiano Andrea Dovizioso, da Ducati, que assegurou o segundo lugar do grid ao cronometrar 2min02s474. Já a terceira posição foi obtida pelo espanhol Jorge Lorenzo, da Yamaha, que marcou 2min02s540 na sua melhor volta e assim irá completar a primeira fila.

A segunda fila do grid será aberta pelo italiano Valentino Rossi, da Yamaha, que venceu a prova de abertura do Mundial, no Catar, e agora cravou 2min02s573 para assegurar o quarto lugar. Ele ficou logo à frente dos britânicos Cal Crutchlow e Scott Redding, respectivo quinto e sexto colocados com os tempos de 2min02s613 e 2min02s674.

O italiano Andrea Iannone (Ducati), o espanhol Aleix Espargaro (Suzuki), o também espanhol Pol Espargaro (Yamaha) e o britânico Bradley Smith (Yamaha) fecham, nesta ordem, o grupo dos dez primeiros do grid de largada, que será realizada às 16 horas deste domingo, quando ocorrerá a segunda etapa deste Mundial da MotoGP.

Tudo o que sabemos sobre:
MotoGPMarc Márquez

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.