Bruno Cantini/Divulgação
Bruno Cantini/Divulgação

Marcelo Oliveira admite frustração após empate em casa do Atlético-MG

Galo empatou com a Ponte Preta por 1 a 1 no Mineirão

Estadão Conteúdo

25 Agosto 2016 | 09h57

O técnico Marcelo Oliveira reconheceu que esperava um resultado melhor no duelo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, na quarta-feira, contra a Ponte Preta. Mesmo jogando em casa, o Atlético Mineiro ficou apenas no empate por 1 a 1.

Na avaliação do treinador, além de não vencer, o resultado ocorrido no Mineirão é amargo pelo gol sofrido. "Em relação ao jogo, claro que a gente esperava ganhar em casa. A Copa do Brasil é uma competição diferente e é importante ganhar sem levar gol. Infelizmente, levamos o gol no primeiro tempo, quando, em um descuido, a gente deixou o jogador em condição", lamentou.

Outro motivo de lamentação foi relacionada a Rafael Carioca, que lesionou o tornozelo no decorrer do segundo tempo. Marcelo Oliveira havia feito três substituições e o time ficou com um a menos. "A equipe voltou melhor para o segundo tempo e, quando tinha o controle do jogo, empatou e estava melhor para buscar a vitória, teve o problema do Rafael Carioca e dificultou mais."

Apesar da frustração, o treinador elogiou o poder de reação e a entrega dos jogadores atleticanos. "Houve uma reação boa, tentamos, forçamos o jogo, a Ponte é um time bem armado e veio com o propósito de nos dificultar bastante. Mesmo assim, a gente criou algumas chances e, no segundo tempo, houve uma reação." O confronto da volta será em Campinas, no Moisés Lucarelli, no dia 21 de setembro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.