Marílson dos Santos projeta recorde pessoal na Maratona de Londres

Corredor espera superar sua melhor marca que é de 2h08min37, obtida justamente na capital inglesa

AE, Agência Estado

16 de abril de 2011 | 11h19

LONDRES - O corredor Marílson Gomes dos Santos disputará neste domingo a Maratona de Londres, uma das principais do mundo, com o objetivo de obter seu recorde pessoal na distância. O brasileiro conta com as condições da prova, como a temperatura amena e o trajeto plano, para superar seu tempo de 2h08min37, conquistado em 2007, justamente em Londres.

"Estou me sentindo bem e agora é tentar correr a maratona para um tempo abaixo do meu melhor, de 2h08. Vou tentar ser rápido", afirmou Marílson, que conta ainda com a presença de "coelhos" durante a prova para manter o ritmo até a linha de chegada.

Experiente, o fundista espera fazer uma corrida equilibrada para não perder velocidade durante o trajeto, como aconteceu em 2010. Foi o sexto colocado, com o tempo de 2h08min46. "Ainda fui buscar, mas aí já não deu. Desta vez, quero fazer uma prova bem distribuída até os 30 km, pensando no tempo. Vou pensar em correr rápido", reforçou.

Se não conseguir alcançar seu recorde pessoal, Marílson deverá fazer mais uma tentativa na Maratona de Berlim, no dia 25 de setembro. "Existe 70% de chance de fazermos Berlim se precisarmos de uma prova rápida. O Marílson não deve ter problema para fazer o índice olímpico, de 2h14, mas será até mais fácil fazer isso em Berlim do que em Nova York", avaliou o técnico Adauto Domingues.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.