Mário Gobbi ignora investidas do Flamengo e garante que clube vai comprar o meia Morais

Kléber Leite, vice-presidente de futebol do Flamengo, esteve na concentração do Corinthians no Rio, quarta-feira, antes do jogo com o Vasco pela Copa do Brasil. Sua intenção era a de convencer Morais a trocar o Alvinegro pelo seu clube.Ontem, no desembarque do Corinthians, em São Paulo, Mário Gobbi, diretor de futebol corintiano, garantiu que as investidas não vão surtir efeito: "Vamos comprar os direitos federativos do Morais e ponto."Morais tem contrato até o dia 30 de junho e, depois, terá de retornar ao Vasco caso o Corinthians não faça valer o direito de compra. O preço estipulado é de US$ 3 milhões (cerca de R$ 6 milhões). "Ele sempre esteve nos nossos planos para seguir no clube, só vamos aguardar o momento certo para confirmar o negócio", seguiu Gobbi, confiante em um final feliz.A permanência de Morais no Parque São Jorge é uma exigência de Mano Menezes. Foi o treinador quem pediu sua contratação, na reta final da Série B, em 2008. O meia se destacou nos jogos que fez naquela competição e só não embalou em 2009, ainda, por causa de uma contusão que atrapalhou sua preparação física. Aos poucos, agora, é que começa a se firmar nas partidas.Domingo, deve até ser titular no clássico diante do Santos, na Vila Belmiro.Outro detalhe: até o fim da participação do time na Copa do Brasil, a ordem é não abrir mão de ninguém."Não vamos negociar ninguém enquanto estivermos na competição", avia Gobbi. O zagueiro Jean recebeu sondagens do Atlético-MG e Otacílio Neto foi procurado pelo Atlético-PR.

Fábio Hecico, O Estadao de S.Paulo

29 de maio de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.