Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Mario Gobbi vence e vai presidir o Corinthians

Andrés Sanchez fez seu sucessor. Mário Gobbi é o novo presidente do Corinthians. Ele confirmou o favoritismo e venceu as eleições disputadas ontem no Parque São Jorge.

O Estado de S.Paulo

12 de fevereiro de 2012 | 03h04

Gobbi, ex-diretor de futebol, derrotou o oposicionista Paulo Garcia com 1.920 votos contra 1.280. "Foi uma lição de democracia", disse o novo presidente, que venceu com 60% dos votos.

Como presidente eleito, Gobbi prometeu priorizar as conquistas no futebol e a conclusão das obras do estádio. "Essas são as prioridades", declarou.

Seu mandato terá três anos de duração, o que lhe dá a chance de ser o presidente que irá inaugurar o estádio em Itaquera.

Na sua primeira entrevista, já deu uma declaração polêmica: "A Libertadores é muito pequenininha perto do Corinthians. A razão da vida do Corinthians não é ganhar a Libertadores. Não é uma sangria."

O apoio de Andrés fez toda a diferença e foi fundamental para que Gobbi, que tem pouco tempo de clube, vencesse a disputa contra um veterano. Andrés havia intensificado a campanha em favor de seu candidato nas últimas semanas, porque a situação não dava a vitória como certa. "O Andrés saiu com uma aprovação de 92% dos sócios."

Mário Gobbi Filho, 50 anos, virou sócio do Corinthians apenas em 2002, e dois anos depois virou conselheiro vitalício. / V.M.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.