Massa, sem ponto, aposta em novo carro

v

Livio Oricchio, MANAMA, O Estadao de S.Paulo

27 de abril de 2009 | 00h00

Em outra época, nem tão distante, uma quinta colocação da Ferrari seria motivo de preocupação. Felipe Massa, porém, lamentou ontem o toque com o próprio companheiro de equipe, Kimi Raikkonen, na largada, que lhe custou os 4 pontos do quinto lugar. "Quando tive pista livre pela frente, depois de parar para substituir o aerofólio dianteiro, meu ritmo de prova era muito bom", disse Massa. "Terminar em quinto seria realista." Depois de quatro etapas, o piloto que quase foi campeão em 2008 segue sem ponto. "Meu Kers não funcionou corretamente na largada e durante a prova", explicou. "Meu sistema de telemetria (monitoramento de vários sistemas do carro) também entrou em pane." Sua esperança de entrar na disputa do campeonato e lutar pelas vitórias é a estreia do novo carro. "Para o GP da Espanha (dia 10), vamos ter modificações no F60. Não vai ser fácil chegar no pessoal da frente, o Jenson Button (Brawn GP), mas teremos chance com um carro mais rápido dar um boa melhorada na classificação."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.