CBDG
CBDG

Matheus Figueiredo será o chefe da Missão Brasileira em Lausanne

Presidente da Confederação Brasileira de Desportos no Gelo comandará delegação nos Jogos Olímpicos de Inverno da Juventude

Redação, O Estado de S.Paulo

21 de novembro de 2019 | 19h52

Matheus Figueiredo, presidente da Confederação Brasileira de Desportos no Gelo, foi anunciado pelo COB (Comitê Olímpico do Brasil) e será o chefe da Missão brasileira nos Jogos Olímpicos de Inverno da Juventude, que serão realizados em Lausanne, na Suíça, de 9 a 22 de janeiro. A delegação nacional já tem cinco vagas confirmadas no evento, mas a expectativa é que chegue a 14 atletas no total.

"É um orgulho muito grande ser o Chefe de Missão do Time Brasil nos Jogos Olímpicos da Juventude. É uma alegria imensa poder representar o Brasil nos diversos eventos que vão ocorrer nos Jogos Olímpicos. Da mesma forma tem uma responsabilidade muito grande de conseguir dar suporte para que tudo dê certo com a delegação", afirmou Matheus.

No ano passado, o dirigente já havia sido o chefe de equipe do Brasil nos Jogos Olímpicos de Inverno de PyeongChang, na Coreia do Sul. Agora em Lausanne, ele espera que a delegação faça um bom papel na competição. "Que o Brasil possa ficar marcado nesses Jogos por sua alegria, sua energia e suas cores vibrantes", avisou.

Aos 15 anos, Noah Bethonico garantiu uma das vagas do Brasil para competir no snowboardcross. Outras quatro vagas são da equipe mista de curling, que terá Gabriela Rogic Farias e Leticia Cid. Entre os homens, três atletas disputam duas vagas: Vitor Melo, Nuno Rodrigues e Michael Conner Velve. O Time Brasil ainda tentará vagas no esqui cross country, biatlo, bobsled e skeleton.

Os Jogos Olímpicos de Inverno da Juventude terão a participação de 1.880 atletas em oito esportes durante 13 dias de competição. É a terceira edição do evento na história e as anteriores foram em Innsbruck, na Áustria, em 2012, e Lillehammer, na Noruega, em 2016. A competição é para jovens entre 15 e 18 anos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.