Maurren na briga por uma medalha

A pesar de sua amiga Fabiana Murer ter deixado a competição lamentando o insucesso no salto com vara, a terça-feira não poderia ter sido mais feliz para Maurren Maggi. A paulista alcançou 6,79 m e garantiu a classificação para a final do salto em distância, programada para a manhã de sexta-feira (horário de Brasília). Mais: viu suas chances aumentarem com a eliminação de Naide Gomes. A portuguesa queimou a linha nas duas primeiras tentativas e foi mal na terceira (6,29 m)."Naide é ótima saltadora, mas há outras em condições de brigar pelo pódio." Maurren acredita ser possível, até, ganhar o ouro. Em Atenas-2004, ficou fora, após suspensão por doping. Em Sydney-2000, obteve a 25.ª colocação geral. Ela é, ao lado do triplista Jadel Gregório, a grande esperança do Brasil no atletismo. No salto em distância, terá companhia da pernambucana Keila Costa. Com a marca de 6,62 m, ela também vai à final. "Estou contente pela classificação ", disse Keila, que tem chance menor de medalha. O técnico Nélio Moura aposta em Maurren. "Ela está muito bem preparada."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.