Márcio Rodrigues/MPIX/CBJ
Márcio Rodrigues/MPIX/CBJ

Mayra Aguiar projeta 2019 e sonha com tricampeonato mundial de judô

Judoca brasileira mira classificação para os Jogos Olímpicos de 2020

Redação, Estadao Conteudo

24 de dezembro de 2018 | 16h09

Bicampeã mundial, a judoca Mayra Aguiar terá a chance de faturar seu terceiro título da competição em 2019, no Japão. Já mirando os desafios da próxima temporada, a brasileira não escondeu que tem a disputa na Ásia como grande objetivo para o ano que vem.

"Será um ano muito importante, pois vamos buscar a vaga da equipe brasileira para os Jogos de 2020 e também pontos para a classificação individual. Nesse sentido, não podemos esquecer do Pan-Americano, que é uma competição muito forte e vale muitos pontos no ranking. Mas claro que o principal foco da temporada será o Campeonato Mundial", declarou.

Medalha de ouro nos Mundiais de Cheliabinsk, em 2014, e Budapeste, em 2017, ambos na categoria meio-pesado (até 78kg), Mayra sonha com o terceiro título. A própria judoca, no entanto, tenta tirar o peso da busca por uma nova conquista.

"Sobre o terceiro título, procuro deixar mais de lado. Penso nas coisas que posso fazer agora, que é treinar bem, me preparar, fazer cada luta, uma por uma. Quando me tornei bicampeã mundial, aí fui pensar o que significava isso. Assim, prefiro trabalhar muito e deixar as coisas acontecerem", comentou.

Mayra não escondeu que seu grande objetivo no momento é um ouro olímpico, em 2020, em Tóquio, já que possui dois bronzes nos Jogos. "Um dos grandes objetivos da minha carreira é o ouro olímpico. Claro que não pode virar mais uma pressão. É complicado porque você chega na competição e tem um dia para mostrar tudo o que fez nos últimos quatro anos. Então é uma coisa que precisa estar muito bem preparado psicologicamente."

 

 

Mais conteúdo sobre:
judôMayra Aguiar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.