Issac Brekken/AP
Issac Brekken/AP

Mayweather chama Pacquiao de 'covarde' e 'mau perdedor'

Norte-americano nega revanche após vitória na 'luta do século'

Estadão Conteúdo

07 de maio de 2015 | 22h25

Após derrotar Manny Pacquiao na aguardada luta realizada no fim de semana, o norte-americano Floyd Mayweather provocou o pugilista filipino nesta quinta-feira e rejeitou a ideia de conceder uma revanche ao rival. Mayweather chamou o derrotado de "covarde" e "mau perdedor".

O americano criticou o rival ao negar a realização de uma nova luta "porque ele é um mau perdedor e um covarde". Ele fez as provocações em entrevista ao canal Showtime, gravada na noite de terça e que será transmitida somente no sábado.

Ao ser questionado sobre a lesão que Pacquiao revelou apenas depois da luta, o americano disse que o problema físico não afetou o resultado do confronto. "Com certeza não afetou. São apenas desculpas, desculpas, desculpas", repetiu o vencedor da luta, por decisão dos juízes.

Nesta semana, o filipino precisou ser submetido a uma cirurgia no ombro direito. O problema já existia antes da luta. Mayweather, contudo, questionou a lesão. "Ele estava rápido. Sua mão esquerda estava rápida. Sua mão direita estava veloz e ele estava lutando com as duas de uma forma rápida e forte. Não vou comprar essa e espero que o público também compre", criticou.

O americano também aproveitou a entrevista para rejeitar uma revanche, apesar de ter demonstrado simpatia pela ideia logo depois da vitória. "Eu mudei de ideia. Neste exato momento eu não quero. Se você perde, aceite a derrota e diga ''Mayweather, você foi melhor lutador", declarou.

Notícias relacionadas
Tudo o que sabemos sobre:
boxeMayweatherPacquiao

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.