Medina agradece Alejo Muniz por 'ajuda' no Havaí: 'Anjo da Guarda'

Durante a disputa do Billabong Pipe Masters, argentino naturalizado brasileiro derrotou Mick Fanning e Kelly Slater em suas baterias

Estadão Conteúdo

26 de dezembro de 2014 | 10h13

Atualizado às 12h23

Gabriel Medina não esqueceu da ajuda providencial do amigo Alejo Muniz em Pipeline, na última etapa do Circuito Mundial de Surfe. Já de férias, após a conquista histórica, o mais novo ídolo do esporte nacional agradeceu ao amigo pela ajuda recebida durante a disputa.

O argentino naturalizado brasileiro foi determinante na busca de Medina pelo título no Havaí ao eliminar os dois grandes rivais do favorito ao título. Ele superou em suas baterias o norte-americano Kelly Slater e o australiano Mick Fanning, tricampeão do Circuito. Com a queda precoce de Slater e Fanning, maior adversário de Medina em Pipeline, o brasileiro pôde comemorar o título antes mesmo de chegar à final da etapa.

"Não tenho nem o que falar. Só agradecer esse cara, @alejomuniz! Obrigado, brother! Você é um cara que admiro muito. Muito simples, amigo e gente boa. E tenho certeza que Deus está trilhando um caminho de sucesso pra você e vai te trazer de volta pro lugar que nunca merecia ter saído!", disse Medina, em postagem nas redes sociais.

O campeão mundial se refere na mensagem à queda de Muniz no Circuito. Sem ranking para disputar a elite do surfe, o argentino naturalizado brasileiro terá de passar pela segunda divisão em 2015. "Você é um gigante e o ano que vem tenho certeza que estará onde merece estar pelo seu talento, que é na elite do surfe mundial! Obrigado por ter feito disso tudo e ter sido meu anjo da guarda em Pipe! Tamo junto até debaixo d''água!", elogiou o brasileiro campeão mundial.

Poucas horas depois foi a vez de Alejo Muniz retribuir o carinho ao compartilhar a foto de Gabriel Medina em seu Facebook e escrever uma mensagem de agradecimento ao amigo. "Gabriel Medina, muito obrigado pelas palavras irmão. Fiquei muito feliz por participar de alguma forma desse momento histórico do surf, principalmente por ter sido com você: um amigo, inspiração e orgulho pra todos nós. Com certeza em 2016 estaremos juntos no WT, firmes e mais fortes ainda !!! Um abração meu brother, tamos juntos" sempre!."

Tudo o que sabemos sobre:
surfeGabriel Medina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.