John Amis/EFe
John Amis/EFe

Medina é cortado da Copa do Mundo e México convoca campeão olímpico

Volante sofre lesão no tornozelo direito e é substituído por atleta de 25 anos que defende o Toluca

AE, Agência Estado

20 de maio de 2014 | 16h53

CIDADE DO MÉXICO - A Federação Mexicana de Futebol anunciou nesta terça-feira o corte do volante Juan Carlos Medina, veterano de 30 anos que fazia parte do grupo de confiança do técnico Miguel Herrera, com quem trabalhava no América. De acordo com comunicado, o corte da Copa do Mundo foi motivado por uma lesão no tornozelo direito.

"Nesta semana, durante os treinamentos da seleção, o jogador Juan Carlos Medina apresentou uma lesão no tornozelo direito. Após os exames, foi constatada uma lesão ântero-lateral que impede que ele exerça sua atividade em 100%. Após o diagnóstico de um médico especialista, para ter uma rápida recuperação e uma solução duradoura, Medina precisa passar por cirurgia", explica o comunicado da federação.

Para o lugar dele, foi convocado Miguel Ángel Ponce, de 25 anos, que nasceu nos EUA, mas tem origem mexicana e defende o Toluca. O meia participou da campanha que deu ao ouro olímpico ao México em Londres/2012. Ele entrou no segundo tempo da partida contra o Brasil, na decisão.

Ainda de acordo com a federação mexicana, Ponce se apresenta ainda nesta terça-feira ao técnico Miguel Herrera. Mais cedo, chegou ao grupo o goleiro Guillermo Ochoa, que defende o Ajaccio, da França. Assim, já são 16 (sem contar Medina) os jogadores que treinam no CT da federação. Estrela do elenco, Chicharito Hernández já está lá.

O México faz parte do Grupo A da Copa do Mundo e enfrenta o Brasil em 17 de junho, em Fortaleza. Antes, pega Camarões em Natal. Os mexicanos fecham a primeira fase contra a Croácia, na Arena Pernambuco.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.