Damien Poullenot / WSL
Damien Poullenot / WSL

Medina estreia com vitória na França e Filipinho supera repescagem

Brasileiros se destacaram no primeiro dia de ações nas ondas de Soorts-Hossegor, na França

O Estado de S.Paulo

09 Outubro 2018 | 15h34

Em uma briga direta pelo título da temporada 2018 do Circuito Mundial de Surfe, os brasileiros Gabriel Medina e Filipe Toledo se destacaram no primeiro dia de ações nas ondas de Soorts-Hossegor, na etapa da França. Medina, que está em segundo lugar no campeonato, começou melhor ao vencer a bateria da primeira fase. Filipinho precisou passar pela repescagem.

A janela da etapa abriu no dia 3, mas os surfistas só puderam ir para a água nesta terça-feira, em razão da falta de ondas nos dias anteriores. E Medina, atual campeão da etapa francesa, não decepcionou ao anotar 11,93, superando o compatriota Tomas Hermes (11,26) e o australiano Ryan Callinan (10,33).

Medina tenta aproveitar a intimidade com as águas francesas, onde já venceu por três vezes, para desbancar Filipinho da liderança do ranking da temporada. O campeão mundial de 2014 soma 45.685 pontos, contra 49.785 do atual líder do campeonato. Cada vitória em etapa rende 10 mil pontos para o vencedor.

Enquanto Medina avançava com tranquilidade, Filipinho sofria em sua primeira bateria. Ele foi batido pelo australiano Connor O'Leary por 10,17 a 9,10. Ambos superaram o local Jorgann Couzinet, com 4,00. Com o revés, o brasileiro precisou passar pela repescagem, quando voltou a vencer o surfista francês, desta vez por 15,84 a 7,77.

Além de Medina, outros dois brasileiros avançaram direto na primeira fase: Ítalo Ferreira e Adriano de Souza, o Mineirinho. Ítalo anotou 13,40, contra 10,70 do compatriota Yago Dora e 4,57 do havaiano Keanu Asing. Mineirinho, por sua vez, obteve 13,50 ao bater o compatriota Miguel Pupo (8,50) e o australiano Wade Carmichael (8,00).

Já os demais brasileiros terão que disputar a repescagem: Wiggolly Dantas, Willian Cardoso, Miguel Pupo, Ian Gouveia, Jessé Mendes, Michael Rodrigues, Tomas Hermes e Yago Dora. Eles devem ir para a água somente nesta quarta, depois que o dia foi encerrado logo após a segunda bateria da repescagem.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.