Marcio Fernandes/Estadão
Marcio Fernandes/Estadão

Medina vence havaiano e elimina Slater da disputa do título

Em sua bateria, surfista brasileiro pega duas ótimas ondas, supera Payne e tira as chances de um dos seus adversários no Havaí

Paulo Favero - Enviado especial ao Havaí, O Estado de S. Paulo

19 de dezembro de 2014 | 18h32

Com a vitória de Gabriel Medina sobre o havaiano Dusty Payne no Billabong Pipe Masters nesta sexta-feira, o norte-americano Kelly Slater foi eliminado da disputa do título mundial da temporada. O 11 vezes campeão mundial acabou saindo da disputa porque precisava que o brasileiro fosse eliminado na terceira fase, o que não aconteceu.

Em sua bateria, Medina pegou duas ótimas ondas, uma para a direita e outra para a esquerda, deixando o adversário em combinação (quando a somatória das notas que precisa é superior a dez) nos minutos finais da bateria. A praia de Pipeline, lotada, fez festa e gritou o nome do surfista de Maresias.

Medina até poderia ter sido campeão antecipadamente já na terceira fase, mas Mick Fanning venceu Jeremy Flores em sua bateria e adiou a festa do brasileiro. Os dois agora vão disputar a quarta fase, mas as chances do brasileiro estão cada vez maiores, até porque ele está na liderança do Circuito Mundial de Surfe.

Tudo o que sabemos sobre:
surfeGabriel MedinaPipelineSlater

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.