Melhor brasileira de São Silvestre mira vaga nos Jogos Pan-Americanos

Faltando um ano e meio para os Jogos Olímpicos, todo atleta quer estar no Rio. E isso inclui corredores de rua, como Joziane Cardoso, melhor brasileira na São Silvestre de 2014. Após a tradicional corrida paulistana, de 15 quilômetros, o foco dela se volta para as pistas, onde ela vai atrás de índices para os Jogos Pan-Americanos e Olímpicos.

Estadão Conteúdo

01 de janeiro de 2015 | 17h13

"No ano que vem, meu objetivo é tentar índice dos 5.000 metros ou 10.000 metros para o Pan e índice para as Olimpíadas. É forte, mas vou procurar trabalhar para alcançar esse objetivo", afirmou a atleta de 29 anos, que fecha 2014 como número 10 do ranking nacional das duas provas olímpicas de fundo.

Ela, porém, não abre mão de uma boa preparação para a São Silvestre do fim deste ano. "É a primeira São Silvestre que venho mesmo para brigar e estou feliz como a melhor brasileira. É o começo de um trabalho. No ano que vem, vou me preparar melhor para tentar fazer um bom resultado. Vou trabalhar para estar no pódio."

Tudo o que sabemos sobre:
atletismoSão Silvestre

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.