Melhor do mundo teve problemas no coração

Eleito no início do mês pela Fifa o melhor jogador do mundo em 2008, o português Cristiano Ronaldo por pouco não abandonou o futebol aos 15 anos. Em entrevista ao jornal inglês The Sun, a mãe do craque, Dolores Alveiro, revelou que ele teve de passar por uma cirurgia no coração para corrigir uma arritmia. Segundo Dolores, os médicos do Sporting, de Portugal, perceberam que o coração de Cristiano Ronaldo acelerava demais e decidiram operá-lo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.