Meligeni deixa a Davis por falta de planejamento da CBT

Fernando Meligeni confirmou oficialmente nesta segunda-feira a sua saída do comando da equipe brasileira da Copa Davis. Ele já tinha avisado sua decisão aos jogadores e à direção da Confederação Brasileira de Tênis (CBT) na última sexta. Sua explicação para deixar o cargo é a falta de planejamento da entidade."Não existe um planejamento na CBT. Davis é o carro-chefe do tênis no Brasil e não vem sendo tratada dessa maneira. Me sinto totalmente bloqueado e não consigo trabalhar assim. Um projeto como esse exige envolvimento completo de todos e isso não estava acontecendo, por isso, resolvi me afastar", explicou Meligeni. De qualquer maneira, Meligeni fez um balanço positivo de sua passagem pela equipe da Davis. Sob seu comando, o Brasil venceu Uruguai, Peru, Colômbia e Equador, mas perdeu para a Suécia, permanecendo na segunda divisão do torneio."Estou triste com essa decisão e aproveito para agradecer a todo o time, pelo empenho, pela garra, pela amizade e por esse tempo que passamos juntos. Foi realmente muito especial", disse Meligeni.A CBT ainda não definiu um substituto para Meligeni. Mesmo porque, o Brasil só volta a jogar pela Copa Davis em abril do próximo ano, diante do vencedor do confronto entre Colômbia e Canadá.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.