Christian Martinez/RGB Studios
Christian Martinez/RGB Studios

Mesa-tenista paralímpica morre por causa do novo coronavírus

Eliane Corrêa foi internada no sábado com falta de ar; médicos confirmaram covid-19

Redação, O Estado de S.Paulo

29 de março de 2020 | 23h28

A mesa-tenista paralímpica Eliane Corrêa morreu sábado, em São Paulo, por causa do novo coronavírus. A informação foi confirmada neste domingo pela Confederação Brasileira de Tênis de Mesa. A nota publicada no site oficial da entidade comunicou que os médicos que a atenderam confirmaram a morte pela covid-19. Ela sentiu falta de ar no sábado, foi levada ao hospital por familiares, mas não resistiu. 

Eliane era atleta da classe 4 (cadeirante) e defendia a AACD-SP. Também era professora. Por causa da quarentena em São Paulo, não foi realizado velório antes de seu sepultamento.  

A atleta Joyce Oliveira, da Seleção Brasileira, homenageou a colega nas redes sociais: "Eliane Corrêa virou mais uma estrelinha. Hoje, o céu está em festa por receber essa pessoa, tão batalhadora, uma pessoa que mesmo com as dificuldades sempre ia atrás dos seus sonhos e dos seus objetivos. Você era um espelho pra mim, para nunca desistir do que queria, pois tudo era possível."

"A CBTM, através de seu presidente Alaor Azevedo, diretoria e corpo de funcionários, manifesta os sentimentos de pesar à toda a família", finalizou a nota da entidade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.