Messi encanta em mais um show do Barcelona

Argentino marca duas vezes nos 4 a 0 sobre o Stuttgart e ajuda seu [br]time a se classificar para as quartas de final

BARCELONA, O Estadao de S.Paulo

18 de março de 2010 | 00h00

Lionel Messi segue a cada jogo honrando o status de melhor jogador do mundo, que recebeu da Fifa no fim de 2009. Ontem, o craque argentino comandou a goleada de 4 a 0 do Barcelona sobre o Stuttgart, que valeu vaga nas quartas de final da Copa dos Campeões. E, com os dois gols marcados, empatou com Kluivert como os maiores jogadores do time a balançar as redes na competição: 21. Rivaldo lidera a lista, com 25.

Os zagueiros do time alemão sentiram ontem mais uma vez a dificuldade de parar o habilidoso Messi. O Barcelona jogava por um empate sem gols - ficou no 1 a 1 na partida de ida -, mas foi só o juiz apitar o início do jogo para os torcedores catalães se animarem com a atuação da equipe azul-grená.

Antes de a bola rolar, Messi já chamou os holofotes para si: recebeu um cheque de 100 mil (R$ 243 mil) por ter sido escolhido o melhor atacante do futebol europeu no ano passado, em eleição no site da Fifa, e doou o prêmio ao Comitê Internacional da Cruz Vermelha, am apoio às vítimas das minas no Afeganistão.

Em campo, o argentino seguiu como astro. Aos 13 minutos, fez boa jogada pela direita, tirou os adversários da sua frente e acertou um belo chute de longe. O goleiro Jens Lehmann até se esforçou, mas só restou a ele ver Messi comemorar.

Sonhando com mais um prêmio da Fifa no fim do ano, o camisa 10 do Barça seguiu como um maestro no gramado do Camp Nou. Foi ele quem iniciou a jogada do segundo gol, aos 22: Touré recebeu na esquerda e cruzou para Pedro marcar.

Perdendo por 2 a 0, os alemães precisavam de dois gols para conseguir a vaga - o empate lhes era favorável. Antes de ir ao ataque, entretanto, precisavam ter atenção na defesa. Mas eles se esqueceram de marcar Messi. Aos 15 do segundo tempo, mais um chute perfeito de fora da área. Bojan, aos 44, também deixou sua marca, decretando a goleada.

Na França, o Bordeaux venceu o Olympiakos por 2 a 1 e também se classificou - havia vencido por 1 a 0 o jogo da ida. Os confrontos da nova fase serão conhecidos amanhã, no sorteio realizado pela Uefa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.