Messi faz mais dois gols e já tem 17 em 12 rodadas

Argentino foi o destaque da vitória do Barcelona sobre o Zaragoza por 3 a 1 no Camp Nou. O Real goleou em Madri

O Estado de S.Paulo

18 de novembro de 2012 | 02h04

Messi celebrou os nove anos de sua estreia na equipe principal do Barcelona em grande estilo. Ontem à tarde, contra o Zaragoza no Camp Nou, ele marcou dois gols e ofereceu um de bandeja para o camaronês Song na vitória por 3 a 1 sobre o Zaragoza que levou o time a 34 pontos em 36 possíveis - seis a mais do que o Atlético de Madrid, que hoje enfrenta o Granada fora de casa. O Real Madrid, que goleou o Athletic de Bilbao por 5 a 1, tem 26.

O craque argentino chegou à marca de 17 gols no campeonato, e se mantiver essa média superará os 50 que marcou na edição passada. Ele tem 78 em 2012 - o recorde de gols num ano pertence ao alemão Gerd Müller, que em 1972 marcou 85 vezes.

O técnico do Zaragoza, Manolo Jimenez, disse que ganhou o time que tinha Messi. O comandante do Barcelona não concordou com essa análise. "Messi é um jogador que desequilibra, mas não ganha jogos sozinho. Meu time fez um grande trabalho", afirmou Tito Vilanova.

A volta de Puyol, que refez a dupla de zaga titular com Piqué, não resolveu os problemas defensivos do Barça. O setor falhou no gol de Montañés, que deixou o placar em 1 a 1 até Messi colocar Song à vontade para fazer 2 a 1, e ofereceu outras oportunidades ao Zaragoza.

No Santiago Bernabéu, o Real começou como um furacão para cima do time de Bilbao e em meia hora vencia por 3 a 0 - com dois gols de Benzema e um de Sergio Ramos. No finalzinho do primeiro tempo Ibai diminuiu a desvantagem. Khedira e Özil definiram o resultado

Novo líder. O campeão Manchester City fechou a 12.ª rodada do Campeonato Inglês na primeira posição. O time goleou o Aston Villa por 5 a 0 e chegou aos 28 pontos, um a mais do que o Manchester United - que perdeu por 1 a 0 para o Norwich. Outro bom resultado para o City foi a derrota do Chelsea (24 pontos) para o West Bromwich por 2 a 1. Surpresa da competição, o West Bromwich ocupa a quarta colocação com 23 pontos.

Embora tenha sido superior o tempo todo, o City só deslanchou depois que o árbitro inventou um pênalti que o argentino Agüero transformou no segundo gol (o primeiro tinha sido marcado pelo espanhol David Silva). Depois disso, Agüero fez mais um e Tevez marcou dois.

"Estamos nos aproximando do nível que tivemos na temporada passada", disse o técnico Roberto Mancini. "A atuação de hoje nos motiva para o jogo de quarta-feira contra o Real Madrid pela Copa dos Campeões."

A partida será em casa, e a equipe inglesa precisa vencer para não ser eliminada com uma rodada de antecedência.

No dérbi de Londres, o Arsenal ganhou em casa do Tottenham por 5 a 2. Adebayor colocou os visitantes em vantagem logo aos dez minutos, mas sete minutos depois foi expulso por ter cometido uma falta violenta no espanhol Santi Cazorla perto do meio do campo e arruinou seu time.

O Arsenal virou ainda no primeiro tempo com gols de Mertesacker, Podolski e Giroud. No segundo, Cazorla e Walcott marcaram - Bale anotou o outro do Tottenham.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.