Michael pega Popó em Copacabana

O esperado duelo entre Michael Oliveira e Acelino Popó Freitas vai ser dia 19 de maio, no Rio, em uma arena montada na praia em frente ao tradicional hotel Copacabana Palace. Segundo Carlos Oliveira, pai e empresário de Michael, a luta fará parte de uma festa especial em comemoração aos 50 anos do Conselho Mundial de Boxe (CMB) e vai ser disputada na categoria dos médios-ligeiros (até 69,853 quilos).

WILSON BALDINI JR., O Estado de S.Paulo

22 de dezembro de 2011 | 03h06

É possível que o mexicano Saul "Canelo" Alvarez coloque em jogo o cinturão dos médios-ligeiros, versão CMB, na mesma noitada de Michael x Popó. Seu rival pode ser o ex-campeão mundial Shane Mosley. Uma reunião, dia 5, no Rio, vai colocar todas as partes frente a frente para finalizar as negociações. Existe a possibilidade de a programação ser transmitida pela Globo.

O evento terá um custo de US$ 4 milhões (R$ 7,5 mi) e vários patrocinadores já anunciaram interesse em promover o programa. Só a bolsa de Popó é de R$ 800 mil. Um jantar de gala será oferecido a 500 pessoas no dia anterior à luta, quando também será realizada a pesagem.

Carlos Oliveira, que esteve na convenção do CMB, disse ter de Jose Sulaymán, presidente do CMB, a promessa de que várias personalidades estarão na noitada de Michael x Popó.

Popó, de 36 anos, não luta desde 2007. Michael, 21 anos, está invicto. Tem 16 vitórias, com 12 nocautes. Luta em 19 de março, contra Milton Nuñez, nos EUA.

Preso. Floyd Mayweather foi condenado a três meses de prisão por agressão e assédio. Ele vai se apresentar dia 6, mas seu advogado acha que a pena possa ser revertida a 100 horas de serviços comunitários.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.