Michael Phelps enfim desencanta e ganha a primeira

Demorou, mas Michael Phelps enfim mostrou um pouco da soberania que o fez conquistar incríveis 14 medalhas de ouro nas duas últimas edições dos Jogos Olímpicos, em Atenas (2004) e Pequim (2008). O americano venceu a prova dos 200 metros borboleta do Mundial de Desportos Aquáticos, em Xangai.

, O Estado de S.Paulo

28 de julho de 2011 | 00h00

E por muito pouco não saiu a primeira medalha de Phelps na competição. O americano chegou a ser ameaçado pelo japonês Takeshi Matsuda, mas se recuperou nos 50 metros finais e cravou o melhor tempo: 1min53s34.

Matsuda, que chegou a assumir a liderança na segunda metade da disputa, terminou em segundo, com 1min54s01. O bronze ficou com o anfitrião chinês Peng Wu, com 1min54s67.

A medalha foi a 29ª do americano em Mundiais, a 23ª de ouro. Phelps já admitiu no início da competição que tem sido um pouco preguiçoso nos treinamentos e só pretende atingir seu máximo novamente durante a próxima Olimpíada, no próximo ano, em Londres.

A italiana Federica Pellegrini conquistou ontem sua segunda medalha de ouro do Mundial e já é a melhor atleta feminina da disputa. A musa se recuperou da morte de seu antigo técnico Alberto Castagnetti e do fim do namoro com o também nadador Luca Marin, com vitórias nos 200 e nos 400 metros livre.

A italiana, que detém os recordes mundiais das provas, repete conquistas da Olimpíada de Pequim.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.