Damien Poullenot/WSL
Damien Poullenot/WSL

Mineirinho e Fanning são eliminados e título será decidido no Havaí

Brasileiro e australiano levam disputa para praia de Pipeline

Estadão Conteúdo

25 de outubro de 2015 | 13h04

O título da temporada 2015 do Circuito Mundial de Surfe será mesmo decidido na última etapa, na famosa praia de Pipeline, no Havaí. Dois primeiros colocados no ranking do ano, o australiano Mick Fanning e o brasileiro Adriano de Souza, o Mineirinho, foram eliminados neste domingo na etapa de Peniche, em Portugal, adiando a definição para a disputa final, que terá início em 8 de dezembro.

Fanning, que poderia se sagrar campeão na praia portuguesa, e Mineirinho foram derrotados por surfistas locais na terceira fase da etapa. Sonhando com a vitória em Peniche, para assegurar o título antecipado, o australiano caiu diante de Frederico Moraes por 16,03 a 14,40.

Mineirinho foi superado por Vasco Ribeiro por 14,36 a 11,80, após superar a repescagem, no sábado. O brasileiro lutou para não ser eliminado precocemente, porque entregaria o título de bandeja para o rival australiano. Outro a ser eliminado na terceira fase foi o norte-americano Kelly Slater, batido pelo compatriota por 13,54 a 8,06.

O brasileiro Filipe Toledo teve melhor desempenho que Mineirinho e avançou na etapa ao derrotar o havaiano Mason Ho por 14,70 a 2,76. Venceram neste domingo também os norte-americanos Kolohe Andino e Nat Young e o australiano Joel Parkinson.

Estes resultados mantiveram Toledo e Gabriel Medina na briga pelo título, ainda que ambos corram por fora. Medina, que ainda disputará a terceira fase, ocupa atualmente o quinto lugar geral do Circuito. Toledo é o sexto colocado. A dupla precisa ir mais longe em Peniche e torcer por uma combinação de resultados em Pipeline para sonharem com o título.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.