Tony Heff/WSL
Tony Heff/WSL

Mineirinho perde, Italo avança e deixa Brasil com 4 representantes em Pipeline

Ian Gouveia, Caio Ibelli e Gabriel Medina também seguem com chances de vitória no Pipe Masters

Estadão Conteúdo

17 de dezembro de 2017 | 23h30

O surfe brasileiro terá quatro representantes na quarta fase do Pipe Masters, a última etapa da temporada do Circuito Mundial. Nas duas últimas baterias da terceira rodada com a presença de brasileiros, Italo Ferreira passou para a fase seguinte, enquanto Adriano de Souza, o Mineirinho, foi eliminado.

+ Medina vence Josh Kerr e se classifica para a quarta fase

Italo Ferreira só precisou competir na terceira fase neste domingo, pois tinha triunfado na estreia em Pipeline. E ele voltou a se dar bem diante do norte-americano Kolohe Andino, tendo conseguido as duas melhores ondas da bateria e superado o oponente por 10,26 a 4,17.

Já Mineirinho derrotou o compatriota Jadson André na repescagem. Mas ele não teve êxito diante de Leonardo Fioravanti. O italiano conseguiu duas boas notas - 8,77 e 7,10 - e um total de 15,87 para derrotar Mineirinho, que fechou os 40 minutos de bateria com 6,13.

Na quarta fase, disputada por 12 surfistas, Italo vai se juntar aos representantes brasileiros Ian Gouveia, Caio Ibelli e Gabriel Medina, que tem chances de deixar o Havaí com o segundo título mundial. O havaiano John John Florence, líder do ranking e principal ameaça a Medina nas suas pretensões de ser campeão, também está garantido nessa fase do evento em Pipeline.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.