Ministério do Esporte e parceiros alegam investimento de R$ 9,4 milhões no handebol

De acordo com o Ministério do Esporte, investimento do governo no time feminino foi de R$ 5,4 milhões

O Estado de S.Paulo

21 de dezembro de 2013 | 15h33

SÃO PAULO - Finalista do Mundial feminino de handebol, a seleção brasileira recebeu nos últimos anos ajuda significativa do governo federal. De acordo com o Ministério do Esporte, na preparação para a Olimpíada de Londres de 2012 e na próxima, no Rio, em 2016, o governo destinou R$ 5,4 milhões somente para a seleção feminina.

Considerando os investimentos para os Jogos do Rio, a entidade vai liberar, tanto para a equipe nacional masculina quanto fenimina, um total de R$ 9,4 milhões (R$ 3 milhões do Ministério do Esporte; R$ 4,4 milhões do Banco do Brasil e mais R$ 2 milhões dos Correios).

O primeiro convênio firmado pelo Ministério do Esporte com o handebol brasileiro ocorreu em 2011. Na ocasião, a Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) forneceu R$ 4 milhões, acordo que foi estendido para os anos seguintes. Neste mesmo ano, a entidade ajudou na organização do Campeonato Mundial em São Paulo com mais R$ 5,9 milhões.

Tudo o que sabemos sobre:
handebolesporte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.