Minuzzi recebe alta e deixa o hospital

Roberto Minuzzi, jogador da seleção brasileira de vôlei, recebeu alta médica nesta terça-feira e deixou o Hospital Beneficência Portuguesa, em São Paulo. Ele passou por uma cirurgia cardíaca, para correção de um aneurisma na aorta ascendente, no último dia 3 de junho e teve boa recuperação até agora.Ainda não está definido se Minuzzi poderá voltar ao vôlei. Ele já está liberado para atividades cotidianas e deve fazer nova avaliação médica dentro de dois meses. ?Só então poderemos definir quanto à possibilidade do retorno à carreira de atleta, que vai depender da análise de uma junta médica. Mas as perspectivas são positivas, tendo em vista que a aorta apresentava uma alteração localizada?, explicou o médico José Pedro da Silva, que realizou a cirurgia.Aos 23 anos, Minuzzi é um dos destaques da nova geração do vôlei brasileiro. Tanto que foi eleito o melhor atacante da última Superliga e já fazia parte do grupo comandado pelo técnico Bernardinho. Inclusive, o seu problema cardíaco foi detectado durante um exame de rotina na seleção.?Desde que eu descobri o problema e decidi fazer a cirurgia logo, acho que não tinha outro dia na minha cabeça: o dia da alta, em que eu pudesse sair do hospital, recebendo o parecer dos médicos dizendo que a cirurgia foi um sucesso?, afirmou Minuzzi, feliz da vida com sua recuperação. ?A partir de agora, tudo o que eu fizer na vida vai ter um gostinho muito mais especial, vou valorizar muito mais.?Sobre a volta ao vôlei, Minuzzi mostrou otimismo. ?A gente acredita que em seis meses eu possa estar em condições para jogar, mas pode variar. Mas o importante é não pensar muito lá na frente, pensar sempre que a cada dia tem uma coisinha, um detalhezinho para corrigir, para superar, para melhorar?, disse o jogador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.