Mirella quer fazer fama na neve

A paulistana Mirella Arnhold tem apenas 18 anos, rosto de menina, e já faz parte da história brasileira em Olimpíadas. É a primeira mulher a conquistar índice para disputar uma prova, a de slalom gigante (esqui alpino), nos Jogos Olímpicos de Inverno, em Salt Lake City, nos Estados Unidos, de 8 a 24 de fevereiro de 2002. Uma única vez, o Brasil foi representado por uma mulher - em 1992, em Albertville, França, Evelyn Schuler ganhou de presente a vaga no slalom gigante (terminou em 40.ª entre 44 participantes) e supergigante (40.ª de 48). Na época, não existia sistema de classificação por índice (foi introduzido em 1994) e o Comitê Olímpico Internacional (COI) distribuía as vagas para o maior número de países dos cinco continentes.Leia mais no Estadão

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.