Morre o boxeador croata Mate Parlov

Atleta é considerado o grande ícone do esporte croata do século XX pelo desempenho em Munique-72

EFE

30 de julho de 2008 | 13h41

O boxeador croata Mate Parlov, considerado o melhor do século XX na modalidade pela população do país, morreu na noite de segunda-feira na cidade de Pula, vítima de um carcinoma pulmonar.Parlov, campeão olímpico dos meio-pesados nos Jogos de Munique, em 1972, teve o câncer diagnosticado há cinco meses, quando a doença já se encontrava em estado avançado.Considerado o melhor boxeador da história das ex-repúblicas iugoslavas, ele ganhou dois títulos mundiais e um europeu. O primeiro-ministro croata, Ivo Sanader, expressou seus pêsames à família Parlov, em nome do Governo."Mate, campeão europeu, mundial e olímpico, não foi proclamado esportista do século em vão e deixou uma marca profunda em nossos corações", comentou Sanader.Segundo o jornal Regional Express, o funeral será realizado nesta quinta em Pula, sua cidade natal. A Prefeitura local declarou dois dias de luto.

Tudo o que sabemos sobre:
Mate ParlovboxeCroácia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.