Morre russa Elena Sabitova, ex-campeã mundial de boxe

Federação Russa não explica o motivo da morte da atleta, que era casada com um campeão de kickboxing

Efe,

19 de fevereiro de 2008 | 15h50

A russa Elena Sabitova, campeã mundial e européia de boxe, morreu nesta terça-feira, aos 28 anos, após permanecer três dias inconsciente num hospital. A federação russa de boxe não explicou a causa real da morte de Sabitova, campeã do primeiro Mundial de boxe feminino, disputado em 2001 nos Estados Unidos, e que venceu o Europeu no ano de 2004. Sabítova começou a praticar artes marciais aos 14 anos para combater a osteomielite. Quando participou na categoria 45 quilos do primeiro Mundial de boxe feminino, ela já vinha como tricampeã da Rússia de kickboxing. Após deixar os ringues há alguns anos, Sabítova primeiro trabalhou como professora de educação física numa escola da cidade de Novocherkassk, no sul da Rússia, e depois serviu como policial, chegando inclusive ao grau de sargento. Sabítova era casada com Anatoli Nosirev, campeão mundial de boxe kickboxing, e ano passado deu à luz uma única filha.

Tudo o que sabemos sobre:
Boxe

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.