MotoGP diz que voltará a ter corrida no Brasil em 2014

Circuito em Brasília precisa passar por reforma para receber a prova, ainda sem data exata

AE, Agência Estado

19 de agosto de 2013 | 17h25

BRASÍLIA - A organização da MotoGP revelou nesta segunda-feira que voltará a ter corridas no Brasil na próxima temporada. O anúncio foi feito por Carmelo Ezpeleta, diretor-executivo da Dorna, organizadora da competição, que tinha ao seu lado o governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz.

Ambos revelaram a novidade em entrevista coletiva em Brasília, que sediará a prova Autódromo Nelson Piquet. Nenhuma das partes revelou maiores detalhes sobre a corrida, uma vez que o circuito local precisaria passar por reformas para receber a MotoGP no segundo semestre de 2014 - ainda não há data exata.

O traçado foi reformado recentemente, mas revelou problemas em uma etapa da Stock Car. Em junho, zebras e canaletas se soltaram e causaram riscos aos pilotos da categoria durante um treino.

O Brasil não recebe uma corrida da MotoGP desde 2004. Na ocasião, o piloto japonês Makoto Tamada venceu a prova disputada no Rio de Janeiro. Com o anúncio, a categoria contará com duas etapas na América do Sul. A outra será realizada na Argentina, também a partir do próximo ano.

Tudo o que sabemos sobre:
MotoGPBrasíliavelocidade

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.