MP vai apurar abuso da polícia

O promotor do Ministério Público, Paulo Castilho afirmou na tarde de ontem que vai solicitar as imagens de tevê e, possivelmente, instaurar inquérito para apurar abuso de autoridade de um policial contra um torcedor do Cruzeiro, domingo no Palestra Itália, em jogo contra o Palmeiras.De acordo com Castilho, só falta agora uma representação da vítima contra o policial, além da confirmação do abuso de autoridade pelas imagens.No Termo Circunstanciado enviado ontem pela 23.ª Delegacia de Polícia ao Juizado Especial Criminal, a PM justifica sua ação dizendo que precisou intervir numa confusão envolvendo palmeirenses e cruzeirenses durante o jogo e que os torcedores do Cruzeiro arremessaram instrumentos musicais contra os policiais, que, no entanto, conseguiram dominar a situação. Os sete detidos, portanto, acabaram sendo acusados de agressão contra a PM, e não o contrário, como as imagens deixaram claro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.