Muricy ensaia até como armar barreira no Flu

Muricy Ramalho é um treinador de conhecida predileção por sistema defensivo sólido. Não foi surpresa, portanto, ver o técnico do Fluminense parar inúmeras vezes o coletivo de ontem, nas Laranjeiras, para ajustar o posicionamento do time sem a bola e a recomposição da defesa. Tampouco foi inesperado ver Deco fora do time titular para uma armação com três volantes: Valencia, Fernando Bob e Diguinho.

Leonardo Maia / RIO, O Estado de S.Paulo

20 de novembro de 2010 | 00h00

Os cuidados defensivos para a partida contra o São Paulo, amanhã, na Arena Barueri, eram tantos que até a formação de barreira em cobranças de falta foi treinada por alguns minutos. "Até barreira a gente treina. Quem vai formar, quem fica na sobra. Orientamos o goleiro também sobre as formas de o Rogério Ceni cobrar", disse Muricy.

Depois de bom tempo de atividade para a importante partida contra os são-paulinos, Muricy testou uma formação mais ofensiva, com Deco no time. Desta vez entrando no lugar de Fernando Bob. No ataque, Fred e Washington estão confirmados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.