Muricy ironiza: 'Querem mais o quê?

Não tem jeito, Muricy Ramalho dificilmente vai conseguir mudar a sua imagem. Aquele treinador carrancudo, com jeito de mal-humorado, foi o que se viu ontem no Aeroporto de Guarulhos. E não faltaram resmungos nas suas poucas respostas.

O Estado de S.Paulo

21 de dezembro de 2011 | 03h03

Bastante ovacionado pela torcida, o técnico santista optou pela ironia e sorriu quando questionado se teria errado na escalação justo no jogo final contra o Barcelona - deixou Elano no banco, e improvisou um esquema com três zagueiros, sendo que o Barcelona joga sem atacante fixo. "Está de brincadeira", disse, ironizando a pergunta.

Mesmo com a derrota para o Barça, o treinador exaltou a temporada santista. "Chegamos a três finais, querem mais o quê?", indagou. Além do Mundial, o Santos chegou à decisão do Estadual e da Taça Libertadores no ano, somando duas conquistas.

Sobre o jogo de domingo, Muricy pouco falou. "O Barcelona é um caso à parte, eles são de outro nível. Eles têm a realidade deles e a gente tem a nossa." Já Léo, um dos poucos jogadores que conseguiram trocar mais de três frases com a imprensa, disse que o jogo contra o rival espanhol deixou uma lição para o Santos. "Aprendemos que temos de tocar a bola, é assim que eles fazem", declarou, fazendo uma promessa. "Vamos voltar o ano que vem (para a disputa do Mundial)." O meia Paulo Henrique Ganso também mostrou-se satisfeito com o que o Santos fez no Japão. "Estou muito feliz de estar jogando na segunda melhor equipe do mundo. E em 2012 tem mais." / D.A.B.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.