AO VIVO

Confira tudo sobre a Copa do Mundo da Rússia 24 horas por dia

Murray vence duelo britânico e encara Ferrer nas semifinais em Pequim

Número 2 do mundo superou Kyle Edmund por 2 sets a 0

Estadão Conteúdo

07 Outubro 2016 | 08h53

No duelo britânico pelas quartas de final do Torneio de Pequim, ATP 500 disputado em quadras duras, o favorito se deu melhor. Nesta sexta-feira, Andy Murray, o número 2 do mundo, superou Kyle Edmund, o 54º colocado no ranking, por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (11/9) e 6/2.

Não foi fácil para Murray assegurar esse triunfo, mas o número 2 do mundo se aproveitou das várias chances perdidas por Edmund para seguir vivo em Pequim. No equilibrado primeiro set, ele reagiu após estar perdendo o tie-break por 5/2, assegurando o seu triunfo por 11/9.

Depois, no segundo set, Edmund largou em vantagem de 2/0, mas permitiu a virada de Murray. O número 2 do mundo ganhou seis games consecutivos, sendo que quando liderava o placar por 3/2, precisou salvar três break points, evitando que o compatriota reagisse na partida.

Nas semifinais do Torneio de Pequim, Murray terá pela frente o espanhol David Ferrer. Nesta sexta, o número 13 do mundo derrotou o alemão Alexander Zverev, 24º colocado no ranking da ATP, por 2 sets a 1, com parciais de 6/7 (4/7), 6/1 e 7/5. Agora, o britânico colocará em quadra a sua vantagem no confronto direto com Ferrer, que está em 13 a 6.

Ainda pelas oitavas de final, o canadense Milos Raonic, número 6 do mundo, disparou 11 aces e superou o tunisiano Malek Jaziri, 50º colocado no ranking, em apenas 58 minutos por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4. Seu rival, em duelo agendado ainda para esta sexta-feira, será o espanhol Pablo Carreño Busta, número 38 do mundo, que venceu o francês Richard Gasquet, 17º colocado no ranking da ATP, por 5/7, 6/4 e 6/1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.