MVP do Sul-Americano, Iziane festeja bom momento com a seleção de basquete

Com um histórico de polêmicas, Iziane ficou três anos sem ser convocada pela seleção brasileira. Cortada da Olimpíada de Londres por levar o namorado para o quarto da concentração, ela só voltou a ser chamada para a Copa América do ano passado. Agora, é novamente a grande figura do basquete nacional.

Estadão Conteúdo

27 de maio de 2016 | 19h58

Com 107 pontos em seis partidas, ela foi a cestinha do Campeonato Sul-Americano, encerrado quinta-feira na Venezuela, e, merecidamente, recebeu o troféu de MVP do torneio, no qual o Brasil conquistou seu 16.º título invicto consecutivo.

"O importante dessa conquista é que consegui dar o meu melhor em prol da equipe. E isso reflete em outras áreas como uma pontuação alta e ter sido escolhida a MVP do campeonato. Esse é o foco e a importância de que consegui render o suficiente bem para ajudar a levar o Brasil a conquistar esse título invicto", comentou a ala de 34, campeã brasileira com o Sampaio Corrêa.

Iziane é um dos nomes certos na convocação do técnico Antonio Carlos Barbosa, que divulga na terça-feira a lista prévia para os Jogos Olímpicos do Rio. Também devem ser lembradas a pivô Nádia, que teve média de 10,3 rebotes por jogo no Sul-Americano, e a armadora Joice, que ficou com média de 7,3 assistências.

"Fico muito feliz de ter podido colaborar com o grupo e fazer parte positivamente disso. Ser a líder de assistências para mim só mostra como estamos unidas e no mesmo ritmo em busca de objetivos ainda maiores", festejou a armadora.

Barbosa já tem à sua disposição a pivô Damiris, que não ficou na WNBA, versão feminina da NBA, para poder se preparar melhor para a Olimpíada. Érika e Clarissa estão na liga norte-americana, que só para em 22 de julho. Já a armadora Adrianinha, outra que não foi ao Sul-Americano, se recupera de contusão e deve estar no Rio-2016.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.