Na Suíça, Bolt vence com sobras os 200 m

Na etapa de Lausanne da Liga Diamante, jamaicano nem se esforçou tanto para marcar 19s58, em mais um de seus passeios

LAUSANNE / SUÍÇA, O Estado de S.Paulo

24 de agosto de 2012 | 03h05

Depois de fazer a festa com a vitória de Yohan Blake nos 100 metros, o jamaicano Usain Bolt entrou na pista do Estádio Olímpico de Lausanne, na Suíça, para correr os 200 metros e somar mais uma vitória para o seu currículo. Na sua primeira prova depois de ganhar três medalhas de ouro nos Jogos de Londres, ele completou a distância em 19s58.

O tempo, ainda que seja bastante abaixo dos 19s32 que lhe deram o ouro e distante 39 centésimos do seu próprio recorde mundial, seria suficiente para colocá-lo no terceiro lugar do pódio na última Olimpíada.

Como de costume, Bolt venceu com folgas. O segundo colocado foi o holandês Churandy Martina, com 19s85, novo recorde do seu país. Com o resultado, o europeu chegou a 12 pontos na soma das etapas da Diamond League e se manteve no primeiro lugar na corrida por este título. Em terceiro completou o jamaicano Nickel Ashmeade (19s94), vice-líder da disputa.

Nos 400 metros, mesmo resultado da Olimpíada, com vitória de Kirani James, de Granada, sobre Luguelin Santos, da República Dominicana, com o tempo de 44s37. Já nos 110m com barreiras, o campeão olímpico Áries Merritt foi desclassificado e entregou a vitória ao também norte-americano Jason Richardson, seguido do seu compatriota David Oliver.No salto em altura, o catariano Mutaz Essa Barshim, de 21 anos e bronze em Londres, saltou 2,39 m e ficou com o ouro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.