Fellipe Chargel / CBDU
Fellipe Chargel / CBDU

Nadador Henrique Martins fatura 2ª medalha na Universíada

Martins está próximo de se tornar o maior medalhista brasileiro em Jogos Universitários

Estadão Conteúdo

25 de agosto de 2017 | 12h18

O nadador brasileiro Henrique Martins voltou a subir ao pódio na Universíada, os Jogos Olímpicos Universitários, que estão sendo realizados em Taipei, capital de Taiwan. Nesta sexta-feira, ele conquistou a medalha de bronze na prova dos 100 metros borboleta. Antes, fora bronze também nos 50m do mesmo estilo.

Ele completou a prova com o tempo de 51s96. A medalha de ouro foi conquistada pelo russo Aleksandr Sadovnikov, com 51s81, e a prata foi para o ucraniano Andrii Khloptsov, 51s91. "Eu sabia que seria uma prova difícil, porque tínhamos ótimos nadadores, e eu sabia que tinha que fazer 51 para estar no pódio", comentou o brasileiro.

Foi a décima medalha do Brasil nesta edição do Universíada. Além disso, Martins entrou de vez na briga para ser o maior medalhista da história do Brasil na competição. Com seis medalhas, sendo quatro de outras edições, ele é o segundo do País em conquistas. Está atrás somente de Djan Madruga, que faturou oito entre 1979 e 1981.

"Estou muito feliz por ser o segundo brasileiro com mais medalhas em Universíadas, tenho seis agora, o primeiro lugar tem oito", comemorou, que poderá chegar à sétima neste sábado, quando participará da equipe brasileira no revezamento 4x100 metros medley - Guilherme Basseto, Felipe Monni e Pedro Henrique Spajari completam o time.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.