Nadadora paulista fica em sexto em maratona do Mundial

A paulista Poliana Okimoto, 24 anos, terminou na sexta colocação na prova de 5km do 12.º Mundial de Esportes Aquáticos de Melbourne, neste domingo, com 1h00min48s7. A nadadora chegou a estar em terceiro na prova, mas errou a volta na última bóia e perdeu cerca de cinco metros. A dupla da Rússia fez dobradinha e conquistou as primeira medalhas da competição, com Larisa Ilchenko, na primeira posição e Ekaterina Seliverstova, em segundo. O terceiro lugar ficou com a australiana Kate Brookes-Peterson."Virei mal na última bóia. Não conseguia enxergar nada, com o sol batendo no meu rosto. E senti muito o frio, tanto que não consegui dar um sprint na largada, pois meus braços congelaram", disse Poliana, vice-campeã mundial dos 5km e 10km, no Mundial de Maratonas Aquáticas de Nápoles, em 2006. No masculino, a vitória foi do alemão Thomas Lurz, que venceu esta prova no Mundial de Montreal/2005 e no Mundial de Maratonas de Nápoles/ 2006. O brasileiro Mário Pereira, em seu primeiro Mundial, obteve um bom resultado, ao chegar em 20.º lugar. Já Luiz Lima reconheceu que nadou mal e terminou na 25.ª colocação.Mário ficou feliz com seu desempenho: "Foi muito legal e me senti bem desde o início. Somente no fim, eu cansei um pouco, mas ainda assim consegui ultrapassar dois adversários após a última volta."No Mundial passado, em 2005, o Brasil terminou em 13.º e 15.º no masculino, com Guilherme Bier e Carlos Pavão, respectivamente; e 21.º com Pâmela Engel e 25.º, com Bruna Cavalcante, no feminino. Os nadadores brasileiros voltam a competir nas maratonas aquáticas, no próximo dia 20 (noite do dia 19, no Brasil), com os 10 quilômetros feminino, novamente com a presença de Poliana e ainda com a caçula da equipe, a baiana Ana Marcela da Cunha, que faz 15 anos, no próximo dia 23. Os 10km masculino será realizado no dia seguinte.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.