Nadadora Rebeca Gusmão sofre nova punição por doping

A Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA) divulgou nesta quinta-feira que a Federação Internacional de Natação (Fina) aplicou nova punição à nadadora brasileira Rebeca Gusmão, por causa dos altos índices de testosterona identificados na atleta. Em maio, Rebeca tinha sido punida por causa do exame antidoping realizado no dia 13 de julho de 2007, durante os Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro. O teste apresentava alta taxa de testosterona e apontava DNA de pessoas diferentes na prova e na contraprova do exame.Desta vez, a Fina, por meio de seu conselho de doping, suspendeu Rebeca Gusmão por exames feitos nos dias 25 e 26 de maio de 2006, durante o Troféu Brasil de Natação. Novamente foi constatada alta taxa de testosterona.A nadadora recorreu das decisões na Corte Arbitral do Esporte (CAS), e se não tiver ao menos uma das punições anuladas, deverá ser banida do esporte.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.