Ricardo Leyser/Reprodução Twitter
Ricardo Leyser/Reprodução Twitter

Nadadores Cesar Cielo e Thiago Pereira receberão Bolsa Pódio

No total, nove atletas da natação e da vela serão contemplados

Agência Estado

13 de novembro de 2013 | 19h33

SÃO PAULO - O secretário de alto rendimento do Ministério do Esporte, Ricardo Leyser, resolveu inovar na forma de anunciar os contemplados com o Bolsa Pódio. Nesta quarta-feira, o dirigente, que comanda na esfera governamental a preparação da equipe olímpica brasileira, divulgou pelo Instagram a lista dos atletas da natação e da vela que serão contemplados. Na relação da natação constam nove nomes, com destaque para Cesar Cielo, cujo contrato estava escrito 'Fulano de Tal', Thiago Pereira e Felipe Lima, que ganharam medalha no Mundial de Esportes Aquáticos de Barcelona, no meio do ano. Na lista fotografada por Leyser, o nome de Thiago aparece grifado. Já entre os nove contemplados da vela ficam fora Robert Scheidt, maior medalhista olímpico da história do País, e Jorge Zarif, campeão mundial da classe Finn.

Os critérios para a inclusão no Bolsa Pódio (com valores que vão de R$ 5 mil a R$ 15 mensais) são: estar entre os 20 melhores do ranking mundial ou ter ficado entre os 10 primeiros do Mundial, desde que em provas olímpicas. Assim, também serão contemplados na natação Marcelo Chierighini (quinto colocado em uma das duas semifinais dos 50m livre no Mundial), Leonardo de Deus (finalista dos 200m borboleta), Bruno Fratus (18º do ranking mundial dos 50m livre), João Luiz Gomes Júnior (19º do ranking dos 100m peito), Nicolas Oliveira (20º do ranking dos 200m livre).

Henrique Rodrigues também aparece na relação. Ele é o quinto colocado do ranking mundial dos 200m medley e foi semifinalista desta prova no Mundial. Mas a lista divulgada por Leyser, erroneamente, coloca o nadador como contemplado por seu desempenho nos 200m livre. Esta não foi, porém, a única gafe cometida por Leyser. Pelo Twitter, o dirigente divulgou o processo assinado pelos atletas. No de Cesar Cielo, o campeão olímpico e mundial assina seu nome num contrato no espaço reservado a "Fulano de Tal".

VELA

Entre os nove contemplados, a principal ausência é Robert Scheidt. O maior medalhista olímpico do País migrou depois dos Jogos de Londres da classe Star para a Laser. Como participou de poucas competições e o Mundial ainda não começou, aparece apenas no 71.º lugar do ranking mundial e ficará sem Bolsa Pódio por enquanto.

Campeão mundial, Jorge Zarif ficou fora da lista divulgada por Leyser nesta quarta-feira - ele é o 36º do ranking mundial. Por outro lado, Bruno Prada, da mesma classe, 25º do ranking, fora do critério dos 20 melhores, foi contemplado. Também receberão Bolsa Pódio os velejadores Fernanda Oliveira e Ana Barbachan (470 Feminina), Martine Grael e Kahena Kunze (49erFX), Patrícia Freitas (RS:X Feminina), Bimba (RS:X Masculina), Bruno Fontes (Laser) e André Fonseca, o Bochecha (49er).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.