Nado sincronizado deve ir à Olimpíada

A dupla brasileira de nado sincronizado, formada pelas irmãs Carolina e Isabela de Moraes, deve garantir vaga nos Jogos Olímpicos de Atenas, em agosto. As gêmeas estão participando do Torneio Pré-Olímpico da modalidade, no mesmo local onde será a competição na Grécia, e amanhã farão apresentações técnica e livre. As brasileiras precisam ficar entre as 24 melhores duplas para garantir vaga na Olimpíada. Hoje, no primeiro dia de provas, elas ficaram com a 12ª posição, totalizando 89.834 pontos. As russas, que sempre estão entre as favoritas, estão na primeira posição. Hoje, Anastasia Davydova e Anastasia Ermakova saíram na frente, com 98.334 pontos contra os 97.500 das japonesas Miya Tachibana e Miho Takeda. As espanholas Gemma Mengual e Paola Tirados ficaram com a terceira posição, com 95.167. No total, 38 duplas estão participando do Pré-Olímpico. Sábado e domingo serão realizadas repescagens para quem ficar abaixo da 20ª colocação. Hoje, Isabela e Carolina se apresentaram na prova técnica ao som do hip hop de Marcelo D2, o pop do N?Sync e de outras batidas do gênero. Na prova livre, a mais longa, as brasileiras optaram pelos clássicos Réquien de Mozart e Quinta Sinfonia de Tchaikovisky. A coreografia livre, montada pela técnica russa Tatiana Pokroviskaya, é considerada muito elaborada pelas brasileiras. "Optamos por um tema mais clássico e queremos impressionar pelo grau de dificuldade da apresentação", avaliou Carolina. Nos Jogos Olímpicos de Sydney/2000, Carolina e Isabela ficaram na 12ª posição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.