Natação do Brasil ganha duas medalhas em Moscou

O Brasil conquistou duas medalhas nesta quarta-feira no primeiro dia da etapa de Moscou da Copa do Mundo de Natação, a quarta das oito programadas. Fabíola Molina faturou a prata na disputa dos 50 metros costas, enquanto Guilherme Guido garantiu o bronze nos 100 metros costas. Assim, a natação brasileira soma 11 medalhas (uma de ouro, cinco de prata e cinco de bronze) nas etapas realizadas até agora.

AE, Agência Estado

17 de outubro de 2012 | 15h45

Fabíola conseguiu a medalha de prata nos 50 metros costas com o tempo de 27s51. A prova foi vencida pela australiana Rachel Goh com a marca de 26s87. A chinesa Shiming Chen ficou na terceira posição, com 27s68. Nos 100 metros costas, Guilherme Guido ficou empatado na terceira posição com o japonês Yuki Shirai, com a marca de 51s47. O russo Stanislav Donets venceu em casa, com o tempo de 49s74, seguido pelo australiano Robert Hurley, com 50s70.

Além das duas medalhas, o Brasil disputou outras nove finais em Moscou. Henrique Rodrigues ficou em quarto lugar nos 100 e 400 metros medley e em sexto nos 200 metros borboleta, o quarteto formado por Gabriel Mangabeira, Diogo Yabe, Fabíola Molina e Tatiana Lemos terminou em quarto no revezamento 4x50 metros medley, Henrique Rodrigues ficou em sexto nos 200 metros borboleta, Daynara de Paula terminou também na sexta posição nos 100 metros borboleta, Fernando Santos foi o sétimo nos 100 metros livre, Thiago Simon garantiu o sétimo lugar nos 400 metros medley, e Jessica Cavalheiro terminou em oitavo nos 200 metros livre, mesma posição de Thiago Simon nos 100 metros medley.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.