Natação: Mundial tem 3 recordes quebrados

Três recordes mundiais da natação - dois no masculino e um no feminino - foram quebrados na tarde desta segunda-feira, durante o 10º Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos que está sendo realizado em Barcelona, na Espanha. O australiano Matthew Welsh melhorou a marca na prova de 50m borboleta e o japonês Kosuke Kitajima estabeleceu uma nova marca mundial para os 100 metros/peito. No feminino, a façanha ficou por conta da australiana Leisel Jones, que baixou o tempo para a prova de 100m/peito.Jones melhorou o recorde da sul-africana Penelope Heyns em 15 centésimos. A marca anterior era de 1:06.52, de agosto de 1999. Welsh conseguiu a marca de 23s43, contra os 23s44 de seu compatriota Geoff Huegill, estabelecido em julho de 2001. Kitajima, por sua vez, fez o tempo de 59s78 e superou a marca do russo Roman Sloudnov - de 59s94, de dois anos atrás. Mais dois recordes da competição foram batidos hoje pelos norte-americanos Aaron Peirsol e Jenny Thompson, respectivamente, nos 100 m, costas (54s28), e borboleta (57s96).

Agencia Estado,

21 de julho de 2003 | 15h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.