Jonny Roriz/ 20/10/2010
Jonny Roriz/ 20/10/2010

Natação, um esporte para todas as idades

Wlad Veiga, técnico do Corinthians e da seleção brasileira, afirma que a modalidade traz benefícios tanto aeróbicos quanto anaeróbicos aos praticantes

Paulo Favero, O Estado de S. Paulo

26 de fevereiro de 2013 | 13h12

SÃO PAULO - A natação é considerada um dos esportes mais completos para a prática. Por ser feito dentro da água, o impacto no corpo é menor, mas como atividade física é excelente, pois usam-se todos os membros para nadar. Segundo Wlad Veiga, treinador do Corinthians e da seleção brasileira, a natação é um dos poucos esportes que têm benefícios tanto aeróbicos e anaeróbicos.

“Para grande parte da população existe um ganho de melhora no sistema cardiovascular. Porém isso se evidencia muito mais quando a pessoa já tem alguma base de natação, ou seja, é necessário primeiro ao atleta aprender a nadar com um certo ritmo, para maximizar os ganhos aeróbicos”, afirma.

O especialista aponta ainda que existem ganhos em fortalecimento articular e muscular, sendo um exercício indicado para todas as idades. “Em especial para a terceira idade, que pode aliar a natação com a hidroginástica”, explica.

Um conselho importante dado por Wlad é que em toda a prática esportiva é necessário procurar sempre um médico antes de começar a atividade. “O indivíduo precisa ter prazer no que faz e todo praticante tem de ter objetivos que lhe façam a persistir na atividade esportiva. Fazer um esporte apenas por fazer muitas vezes leva ao desânimo e à parada da prática regular depois de alguns meses. Esse é o maior problema.”

Wlad considera que o Brasil precisa de uma política aliada a uma política educacional, mas dá uma dica para aqueles que querem começar a dar umas braçadas. “O ideal é que procurem entidades esportivas onde possam aprender ou começar a praticar uma modalidade.”

VOCÊ SABIA?

A natação tem 16 milhões de praticantes no Brasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.