Josh Hedges/AFP
Josh Hedges/AFP

Negativo em segundo exame, Anderson Silva é cortado do TUF Brasil 4

A pedido da Comissão Atlética do Estado de Nevada, Globo e UFC tiram o Spider do reality show e colocam Minotauro no lugar

PAULO FAVERO, O Estado de S. Paulo

09 de fevereiro de 2015 | 19h53

Apesar de Dana White, presidente do UFC, ter dito que não tiraria o lutador Anderson Silva das gravações do The Ultimate Fighter Brasil 4, reality show que é exibido na Rede Globo, o brasileiro foi cortado do programa que já estava tendo suas gravações em Las Vegas, a pedido da Comissão Atlética do Estado de Nevada. Para o lugar do Spider foi escalado o veterano Rodrigo Minotauro, que atuará ao lado do outro treinador, Mauricio Shogun.

"O UFC e a Globo, emissora que transmite o reality show no Brasil, respeitam a decisão da Comissão e entendem que isto permitirá a Anderson focar sua atenção na atual situação. Anderson Silva tem sido um atleta excepcional, um campeão, verdadeiro embaixador do esporte, e o UFC continuará apoiando o lutador durante todo o processo legal", escreveu o UFC em nota, dias depois de o presidente Dana White ter declarado que iria manter o atleta no reality show.

A decisão ocorre no mesmo dia que foram divulgados resultados negativos de um outro exame de Anderson Silva, realizado no dia 19 de janeiro. Isso acaba sendo um golpe na imagem do atleta, arranhada após o anúncio de doping em um exame realizado em 9 de janeiro. A própria Globo esperou um pouco antes de tomar qualquer decisão, mas segundo comunicado tanto da emissora quanto do UFC, a exigência foi da Comissão Atlética do Estado de Nevada, apesar de que Anderson Silva iria apenas ser técnico do programa - não estava prevista uma luta entre ele e Shogun.

"A Comissão Atlética do Estado de Nevada, que regulamenta todas as lutas do The Ultimate Fighter filmadas em Las Vegas, solicitou que Anderson Silva encerrasse sua participação na edição como resultado da suspensão temporária que recebeu, após o resultado do exame pré luta do UFC 183, realizado em 9 de janeiro de 2015", disse a Globo em comunicado.

Tudo o que sabemos sobre:
UFCAnderson SilvaTUFLutasMMA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.