Eduardo Nicolau/AE
Eduardo Nicolau/AE

Neto só lamenta ter levado dois gols na estreia da seleção brasileira

Goleiro jamais havia jogado qualquer partida pelo time nacional, nem mesmo nas categorias de base

MATEUS SILVA ALVES, Agência Estado

27 de julho de 2012 | 06h19

PAÍS DE GALES, Cardiff - Apesar de uma certa insegurança no começo do jogo contra o Egito, Neto sentiu alívio com sua estreia na seleção brasileira - ele jamais havia jogado qualquer partida pelo time nacional, nem mesmo nas categorias de base. O goleiro da Fiorentina não cometeu nenhuma falha grave e o Brasil saiu de campo com a vitória. A partida só não foi perfeita para ele por causa dos dois gols dos egípcios, nos quais Neto não teve culpa.

"Particularmente eu não gosto de levar gol. Se perguntar para qualquer goleiro, nenhum gosta de levar. Ainda mais em um primeiro jogo, em que você está ganhando confiança, querendo crescer", falou ele. "Mas é difícil, todo mundo toma gol. O importante é a vitória e vamos trabalhar para levar o mínimo possível (de gols)."

Na opinião de Neto, o sufoco que o Brasil passou no segundo tempo do jogo desta quinta-feira tem de ser encarado de maneira positiva. Segundo ele, a equipe pode tirar valiosas lições disso.

"Fizemos um primeiro tempo muito bom, impomos o nosso jogo. No segundo tempo a equipe deles mudou o formato de jogo e adiantou um pouco mais, complicando um pouco para nós. Mas só temos de aprender com isso."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.